CulturaLifestyleLivros

Livros para ler em 2019

O ano de 2018 sem dúvidas me apresentou muitos autores e obras incríveis, e para o ano de 2019 quero manter o ritmo de leituras que iniciei no ano passado. Aqui, algumas das leituras que mais gostei de aproveitar.

A Sutil Arte de Ligar o F*da-se

Mark Manson

O livro mais vendido do ano de 2018 foi sem dúvidas o maior reflexo do nosso cenário. Foi um ano difícil, pesado e que gerou muita ansiedade na maioria das pessoas. Tanto por decepções amorosas (ou profissionais, pessoais) quanto pelo cenário político apresentado – todos ficaram um pouco ansioso com a situação que nos encontramos e os sentimentos aflorados gerou muito borbulho nas redes sociais e estresse constantemente. No livro de auto-ajuda, Mark Manson detalha bem como medimos as nossas vidas e com uma leve crítica, nos convida a remodelar toda a nossa vida por termos diariamente novas chances de fazer diferente e por nós.

 

Becos da Memória

Conceição Evaristo

Conceição é uma autora de mãos cheias de inspiração e criatividade. A sua obra, que se trata de um romance memorialista, me trouxe diversas reflexões sobre estar sendo algo em meio ao caos implementado pelo sistema. É, indiretamente, uma critica a tudo aquilo que não muda dentro da nossa sociedade e vai se proliferando: a política, o racismo e o machismo. De uma forma profunda e detalhista, aprofunda as suas vivências e nos dá uma visão ampla do que já passou pelos seus olhos.

 

Mil Coisas Podem Acontecer

Jacobo Fernández Serrano

Não só mil coisas, mas milhões podem acontecer. Já pensou como séria tudo ao contrário ou saísse do lugar que está neste exato momento? O Jacobo nos propõe exatamente essa reflexão. E na minha interpretação, é um convite a sair da zona de conforto e uma mensagem de que mudanças são bem vindas a todo momento e que podem resolver muitos dos seus problemas, basta se permitir. E apesar do livro ser bem tratado como algo infantil e voltado ao público infanto-juvenil, o conteúdo encontrado e a mensagens passada pode servir de reflexão para todos.

 

Amanhã Você Vai Entender

Rebecca Stead

Quer uma leitura que te prenda e convide a conhecer muito mais cada capítulo? A Rebecca soube exatamente como prender os leitores ao livro – me fez lê-lo em menos de quatro horas e se tornou um dos meus favoritos da vida. De fato, cada capítulo nos traz memórias de acalentar o coração e tirar sorrisos espontâneos. E felizmente, muitos desses momentos grudam na memória assim como toda história desenvolvida, algumas podem não fazer sentido no começo, mas como diz o título ‘amanhã você vai entender‘.

 

De Todos os Motivos

Vitor Castrillo

E falando sobre acalentar o coração, o Vitor pode, sem dúvidas, conquistar completamente o seu em poucos parágrafos do livro. É uma leitura curta que pode ser concluída em poucas horas e claro, tirar o seu dia de tédio. É um típico casal jovem que fara a sua imaginação florescer em todos os momentos que estão juntos (as vezes sentir inveja também, como no meu caso), mas de fato, apesar de ser muito curto para o que estou acostumado a ler.

 

Isaac

Alan Silva

Sem dúvidas o melhor livro da minha vida. O Alan se tornou um dos meus escritores favoritos por ser jovem e lgbtq+, e principalmente por ter escrito um livro tão incrível como este – que possui uma profundidade bem centrada na realidade, um decorrer muito coerente e uma escrita arrebatadora. Caso não tenha controle de si, pode acabar lendo-o em um dia, pelo bem estar que causa e ao mesmo tempo um pouco de desconforto com toda a situação que o personagem irá se envolver, Isaac, que é bissexual. Caso tenha algum problema em se emocionar com muita rapidez e facilidade, a leitura pode ser te fazer desmanchar-se a cada capítulo. Pode ser sim uma proposta boa pro ano justamente pela grande reflexão que causa em volta do movimento LGBTQI+ e como é viver na pele do mesmo.

 

Quinze Dias

Vitor Martins

Uma doze de amor-próprio nunca é demais e o Felipe, o principal personagem do livro, pode te ajudar a entender que as más mudanças podem vir seguidas de algo bom caso se permita a ser. São 15 dias ao lado da pessoa que ama e a sua insegurança atingindo os maiores níveis que possui, e por amar o seu vizinho, conversar e sair com ele te traz todas as respostas que antes acreditara serem verdadeiras em suas paranoias.

 

Os Hereges de Santa Cruz

Enrique Coimbra

Uma leitura forte nunca é demais. E caso esteja a procura de algo ligado à magia, aventura e ocultismo, a obra escrita pelo Enrique pode te envolver completamente. O autor é youtuber no canal ‘Enrique Sem H‘ e escreve livros ligadas às suas vivências, como jovem e gay. Mesmo sendo algo ligado ao místico, não deixa de carregar representatividades, principalmente nos três principais personagens que embarcam de cabeça no desenvolvimento sem perder o sentido e sem dúvidas, vai te envolver tanto que sentirá saudades quando terminar. E apesar de ter gostado muito, o livro é muito pesado em alguns capítulos e momentos da história, por isso esteja preparado caso queira conferir toda aventura.

 

Contra Tempo

Henri B. Neto

Mais uma leitura gostosa que pode servir de porta de saída em meio ao tédio. É curto, direto, sem muita enrolação e muito amor acontecendo dentro da história. Mas ao mesmo tempo uma reflexão proposta durante todo decorrer. Imagina se pudéssemos retornar no tempo para resolver algo que não nos agradou? É justamente nisso que a história se baseia. E claro, no meio de tudo isso está um romance muito incrível para poder deixar-te bem em meio a tanta confusão.

 

Quais serão as suas leituras neste ano?

 

Mostrar mais

Deivy

Blogueiro há quase 10 anos. Dono do Blog do Deivy. Libriano com uma sede enorme por conhecimento e aventuras literárias dos mais diversificados assuntos. Quase um unicórnio de tão colorido, ativista LGBTQI+. Apenas um baianinho dentro da vasta internet.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar